Gaiola

Ilustração: Eldes
"Querer-se livre é também querer livres os outros." Simone de Beauvoir.

Triste passarinho
Escravizaram sua canção.
Antes no céu habitava
E agora, só voa na imaginação.
Triste passarinho
Mal saiu do delicado ninho
De repente sentiu a privação
E a dor! A dor de pedras,
Pedras malvadas, pedras medíocres
Atiradas em seu coração.
Triste passarinho
Com um cruel disparo
Tiraram sua liberdade.
Voltar para seu ninho?
Já não pode mais!
Voar? Já não pode mais!
Triste passarinho
De asas cortadas
De pernas machucadas
De coração ferido,
Sonho ferido...
Seu desejo de liberdade
Sangra de suas feridas.
Ele só enxerga a solidão.




Lizandra Souza.

0 Comentários:

Postar um comentário

Obrigada por comentar.

  © Loucuras e Devaneios by Liza

Design by Emporium Digital